fbpx

Brasil: pior nota pelo segundo ano

Índice de Percepção da Corrupção (IPC) é o principal indicador de corrupção no setor público do mundo.

Produzido desde 1995 pela Transparência Internacional, o IPC avalia 180 países e territórios e os avalia em uma escala na qual 0 o país é percebido como altamente corrupto e 100 significa que o país é percebido como muito íntegro.

Relembre os resultados do IPC 2018

Em 2019, o Brasil manteve-se no pior patamar da série histórica do Índice de Percepção da Corrupção, com apenas 35 pontos.

Os 35 pontos da nota brasileira equivalem ao valor mais baixo desde 2012 — ano em que o índice passou por alteração metodológica e passou a permitir a leitura em série histórica.

A escala do IPC vai de 0 a 100, na qual 0 significa que o país é percebido como altamente corrupto e 100 significa que o país é percebido como muito íntegro.

Com esse resultado, o Brasil caiu mais uma posição no ranking de 180 países e territórios, para o 106º lugar. Este 5º recuo seguido na comparação anual fez com que o país também atingisse sua pior colocação na série histórica do índice. Em 2018, o país já havia perdido dois pontos e caído nove posições.

Clique aqui para ler o IPC 2019 completo.

 

Fonte: https://ipc.transparenciainternacional.org.br/