Serviços devem fechar 2017 com queda de 3,2% no faturamento

 

Crédito: Visual Hunt

Serviços prestados às famílias, como o de barbearias, apresentaram a maior queda, segundo a PMC

O setor de serviços registrou a quarta queda consecutiva no faturamento, em outubro, segundo dados da Pesquisa Mensal de Serviços (PMS), divulgada hoje, 15 de dezembro, pelo IBGE. O volume de receitas do setor recuou 0,8% na comparação com setembro deste ano. Segundo análise da Divisão Econômica da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), o nível atual de receitas dos serviços equivale ao do início de 2011. “Além do ainda fraco nível da atividade econômica interna, a maior resiliência dos preços dos serviços tem se colocado como um obstáculo adicional à retomada do crescimento das atividades terciárias”, afirmou o economista-chefe da CNC, Fabio Bentes.

Nos últimos 12 meses encerrados em outubro, a variação dos preços dos serviços respondeu por quase 2/3 da inflação medida pelo IPCA. Somando-se a isso a lenta e gradual reação do emprego, esses fatores levaram a CNC a projetar queda de 3,2% no volume de receitas do setor de serviços para 2018, a terceira queda anual seguida.

Desempenho do setor em outubro

Dos cinco grandes grupos de atividades pesquisadas, apenas os serviços de informação e comunicação registraram crescimento no volume de receitas (+0,3%). O maior destaque negativo no mês foram os serviços prestados às famílias (-2,3%), especialmente serviços de alojamento e alimentação (-3,0%).

“Esse comportamento evidencia a fragilidade na recuperação do orçamento das famílias que, mesmo diante do recuo nos preços no mês (-0,3%), ainda não sinalizaram capacidade de retomada de demanda por serviços não essenciais”, complementou Fabio Bentes.

Acesse abaixo a íntegra da análise da Divisão Econômica da CNC.

http://cnc.org.br/sites/default/files/arquivos/analise_pms_-_outubro_2017.pdf

Fontehttp://cnc.org.br/noticias/economia/servicos-devem-fechar-2017-com-queda-de-32-no-faturamento

Compartilhe este artigo nas redes sociais

WhatsApp
Facebook
Telegram
Twitter

Últimos posts:

2 dias ago

Medida pode alavancar mais de R$ 35 bilhões em crédito para que os devedores possam refinanciar suas dívidas, segundo o ministro O…

6 dias ago

Estratégia Elas Empreendem pretende incentivar a inclusão social e fortalecer o papel das mulheres no desenvolvimento econômico Agência Gov | Via Planalto…

1 semana ago

BRASÍLIA| Rafaela Soares, do R7, em Brasília11/04/2024 – 07H56 (ATUALIZADO EM 11/04/2024 – 07H56) Decreto foi publicado nesta quinta-feira(FERNANDO FRAZÃO/AGÊNCIA BRASIL) O presidente Luiz Inácio…

Posts relacionados:

6 dias ago

Estratégia Elas Empreendem pretende incentivar a inclusão social e fortalecer o papel das mulheres no desenvolvimento econômico Agência Gov | Via Planalto…

1 semana ago

BRASÍLIA| Rafaela Soares, do R7, em Brasília11/04/2024 – 07H56 (ATUALIZADO EM 11/04/2024 – 07H56) Decreto foi publicado nesta quinta-feira(FERNANDO FRAZÃO/AGÊNCIA BRASIL) O presidente Luiz Inácio…

1 semana ago

Os grandes centros comerciais não vivem o melhor momento A busca por itens de qualidade se tornou o grande alvo dos consumidores…