Estudo evidencia o impacto devastador da pandemia para micro e pequenas empresas

Crise provocada pela Covid-19 resultou na destruição de bilhões de reais em estoque de capital das MPE brasileiras

A pandemia de Covid-19 afetou especialmente as micro e pequenas empresas (MPE) no Brasil, com a queda brusca na demanda, interrupção das atividades e, eventualmente, o fechamento definitivo de diversos empreendimentos. Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revelam que durante a primeira onda da doença, até junho de 2020, 716.372 empresas encerraram suas operações, sendo 99,8% delas de menor porte. Esse impacto resultou em uma perda expressiva de estoque de capital.

Com base nos dados do IBGE, o estudo do Instituto de Pesquisa Econômica aplica (Ipea) intitulado “Covid deixa sequelas: a destruição do estoque de capital das micro e pequenas empresas como consequência da pandemia de covid-19”, apresenta o total de estoque de capital das empresas brasileiras por porte e setor. Para medir o impacto da pandemia nas empresas de menor porte, os pesquisadores produziram inicialmente uma estimativa inédita do estoque de capital das MPE: R$ 240 bilhões em dezembro de 2018. Esse balanço revela que apenas na primeira onda da doença, as micro e pequenas empresas perderam entre R$ 9,1 bilhões e R$ 24,1 bilhões em estoque de capital, sendo os setores de comércio e serviços os mais afetados.

Mauro Oddo Nogueira é um dos autores do estudo publicado no texto para discussão explica que esse tipo de atividade, quando desativada, não converte o estoque de capital em dinheiro. “Estamos falando de prateleiras, móveis, materiais que dificilmente vão ser vendidos. Sendo conservador, é ao menos R$ 20 bilhões que virou lixo”, pondera o pesquisador do Ipea. O assessor do Sebrae Nacional Rafael de Farias Costa Moreira também assina o texto.

De acordo com a publicação, a reconstrução desse estoque de capital se torna um desafio, uma vez que o acesso ao crédito para as MPE no Brasil é restrito e caro. A principal fonte de recursos para esses empreendimentos costuma ser a poupança individual.

A estimativa realizada pelo Ipea busca auxiliar no dimensionamento da necessidade de políticas públicas voltadas para a retomada econômica dessas empresas e na criação de mecanismos que facilitem o acesso ao crédito privado.
O levantamento apresentado considera que o número e o real impacto da pandemia podem ser ainda maiores, caso sejam considerados fatores como o fechamento de negócios após junho de 2020, a exclusão dos microempreendedores individuais, dos negócios informais e os ativos intangíveis. Segundo os pesquisadores, é provável que o valor total de estoque perdido pelas MPE supere R$ 24,1 bilhões.

Diante desses resultados, os autores evidenciam a necessidade de políticas públicas voltadas para a reconstrução do estoque de capital das micro e pequenas empresas. Entre as soluções está a facilitação do acesso ao crédito por parte desses empreendimentos, visando acelerar a retomada econômica do país.

Acesse a íntegra do estudo no link:
https://repositorio.ipea.gov.br/bitstream/11058/12149/1/TD_2894_web.pdf

Fonte: [email protected]

Compartilhe este artigo nas redes sociais

WhatsApp
Facebook
Telegram
Twitter

Últimos posts:

14 horas ago

Medida pode alavancar mais de R$ 35 bilhões em crédito para que os devedores possam refinanciar suas dívidas, segundo o ministro O…

4 dias ago

Estratégia Elas Empreendem pretende incentivar a inclusão social e fortalecer o papel das mulheres no desenvolvimento econômico Agência Gov | Via Planalto…

6 dias ago

BRASÍLIA| Rafaela Soares, do R7, em Brasília11/04/2024 – 07H56 (ATUALIZADO EM 11/04/2024 – 07H56) Decreto foi publicado nesta quinta-feira(FERNANDO FRAZÃO/AGÊNCIA BRASIL) O presidente Luiz Inácio…

Posts relacionados:

2 semanas ago

Futuro dos Pequenos Negócios O ministro do Empreendedorismo, da Microempresa e da Empresa de Pequeno Porte, Márcio França, recebeu o vice-presidente Geraldo…

5 meses ago

Desde o lançamento, a Los Paleteros atraiu muitos às lojas em busca de paletas — picolés recheados com inspiração mexicana. Com o…

6 meses ago

Cerca de 5,82 milhões de Micro e Pequenas Empresas (MPEs) estavam inadimplentes no mês de agosto, segundo dados do Indicador de Inadimplência…